segunda-feira, 31 de julho de 2017

Lista de enxoval: 5 dicas infalíveis para montar a do seu bebê


Pensar em cada acessório que vai ser útil na rotina com o bebê ou em cada peça de roupa que ele vai usar torna a espera pelo nascimento mais prazerosa. Mas, para não escorregar nas compras do enxoval (nem comprometer o orçamento), fique atento!

1. Não acumule
Mesmo que a tentação seja grande. Isso vale tanto para roupas quanto para as dezenas de acessórios que prometem facilitar o dia a dia e os cuidados com o bebê. Compre o básico e espere para sentir como é a rotina com o seu filho. Além disso, pense em quantos presentes o bebê vai ganhar de parentes e amigos...

2. Dê preferência a tamanhos grandes
Você vai se surpreender com a velocidade de crescimento do seu filho! Por isso, não adianta comprar várias peças minúsculas – até porque há crianças que pulam o RN e vão direto para o P. Roupas mais larguinhas serão usadas por mais tempo.

3. Considere a praticidade
Sim, sabemos que é uma delícia imaginar o bebê dentro de cada roupa fofa. Mas alguns modelos não são nada fáceis de vestir. Peças com muitos botões, por exemplo, podem dificultar sua vida a ainda deixar o bebê estressado a cada troca de fralda. Melhor optar por velcro, zíper ou botão de pressão.

4. Deixe os sapatos para depois
Ver aqueles calçados tão pequenos encanta e, no impulso, seu filho já pode ter vários deles antes mesmo de nascer. Mas... segure a emoção! Vai demorar um bom tempo até que a criança precise deles. A recomendação dos pediatras é só usá-los quando ela já estiver treinando para dar os primeiros passos, o que acontece por volta dos 11 meses. Lembre-se de que, além de caros, esses itens deixam de servir em um passe de mágica.

5. Confira as certificações
Berços, cadeirinhas, brinquedos... Tudo isso deve ter o selo de certificação do Inmetro para garantir a segurança da criança. Não adianta só ser bonito: seu filho precisa ficar confortável e protegido. Pense nisso!

Fonte: revista Crescer

Nenhum comentário:

Postar um comentário