terça-feira, 13 de outubro de 2015

5 maneiras de registrar a gravidez

Fotos, time-lapse, scrapbook e outras ideias para eternizar esse momento tão especial na vida da mulher


Fotografe, filme, escreva... a gestação é um momento único e merece registros para
 você e seu filho verem juntos no futuro (Foto: Thinkstock)
Da descoberta da gravidez, passando pelo dia em que o sexo do bebê foi revelado até o momento do parto, a gestação é cheia de momentos especiais. Mas o dia a dia também pode (e deve) ser eternizado. “Muitas mulheres não gostam de se ver acima do peso e, por isso, deixam de registrar esse momento único. No entanto, a maioria sente saudade da barriga depois que o bebê nasce”, destaca a baby planner Carol Baldin. Confira algumas ideias para guardar para sempre essas memórias.

Fotos
Além da barriga, não deixe de incluir nas imagens outros detalhes, como o quarto do bebê, o bicho de estimação da família e, claro, o pai. A melhor época para registrar o barrigão é entre a 28ª e a 32ª semana, porque estará grande o suficiente e, você, ainda disposta para posar. A vantagem de investir em fotos profissionais é a produção: a iluminação, o ambiente (seja estúdio ou ao ar livre) e a maquiagem vão deixar o resultado ainda mais lindo.

Time-lapse
A técnica que mistura fotografia e vídeo, capturando vários frames com intervalos fixos, também pode ser usada para mostrar o crescimento da barriga ao longo dos nove meses. Assim, ao apresentá-las em uma sequência, temos a impressão de que o tempo passou (ou saltou, que é o significado de lapsing, em inglês) rapidamente. Por sorte, há vários programas e aplicativos para leigos que realizam o efeito facilmente. Você pode fotografar a barriga mês a mês ou, se quiser um filme mais longo, duas ou três vezes por mês.

Scrapbook
A arte de juntar lembranças em um álbum com recortes é também uma maneira de se preparar para receber o bebê. Ao criar o layout (como é chamada cada página do álbum), você pode colocar o foco na mãe, no bebê ou nos dois ao mesmo tempo. Além de fotos, outros itens a incluir são recadinhos dos amigos e familiares para a criança, exames, o convite do chá de bebê ou de fraldas e a pulserinha da maternidade. E, assim como outras atividades artesanais, ficar entretida horas a fio na decoração do álbum ajuda a relaxar.

Aplicativos e álbuns online
Diversas opções de aplicativos de gravidez permitem o armazenamento de dados (como o tamanho do bebê mês a mês). Outra alternativa é a criação de um álbum virtual (como Picasa, Flickr e Photobucket). A maioria oferece desde serviços como ferramentas de edição até a oportunidade de compartilhar as fotos virtualmente com quem você quiser.

Diário
O método mais antigo de registrar pensamentos e fatos não sobreviveu ao tempo à toa. Colocar as ideias no papel é uma maneira de elaborar e refletir sobre a própria vida. E a gravidez é um período adequado para isso. Você vai se divertir lendo sobre seus receios e suas expectativas em relação à maternidade no futuro, acredite.

Fontes: Carol Baldin, baby planner com certificado do International Maternity Institute (EUA); Isabel Asckar, fotógrafa, da Vida em Foco; e Susan Miolo, arquiteta, do Atelier Susan Miolo Scrapbook

Revista Crescer

Nenhum comentário:

Postar um comentário